Páginas

segunda-feira, 7 de março de 2011

Grandes Mestres II

Quem não passou pelas mãos de um grande mestre? Eu tive vários e sei que ainda terei muitos!!

Leia minha história abaixo, não consegui escrever sobre um mestre apenas, tive tantos... A mais importante foi a Cida Chaves, que me alfabetizou, mas todos os outros fazem parte da minha vida!

 

Se você tem uma história e gostaria de compartilhar, mande-me por email. Vou adorar contar sua história no meu blog!!

(sissygui@hotmail.com) 

 

 

Grandes Mestres!!!



Com a idade de 6 anos fui para escola pela primeira vez.
A escola era EMPG "Profa. Isabel Vieira Ferreira", mais conhecida como "Primavera". Fiz a pré-escola com a professora Cora. No ano seguinte fui para a primeira a primeira série, quando conheci minha primeira e grande mestra, professora Cida Chaves.

Com ela aprendi juntar as letras, formar palavras, frases, textos. Ela me apresentou o universo da leitura, fazendo me viajar pelos mais lindos contos que colocava em minhas mãos. Usávamos antiga "Cartilha Caminho Suave" com seus textos que retratavam uma linda e feliz família composta por pai, mãe, um casal de filhos e um cachorro. Imediatamente me apaixonei pela leitura e devorava tudo o que era composto de letras, palavras...




Lembro-me que ficava muito irritada quando passávamos de ônibus por um outdoor e eu não conseguir ler tudo o que havia nele. Depois de algum tempo, comecei a memorizar onde eles ficavam para que eu pudesse ler na volta.

A Professora Cida Chaves, muito severa com os alunos, era considerada a professora mais brava na escola, não eram poucos os alunos que a temiam... mas para mim... era a melhor pessoa que eu havia conhecido (depois dos meus pais, é claro!), assim, Cida Chaves se tornou meu grande ídolo.




Nos anos seguintes fui premiada com outros grandes mestres, professora Celina, Fátima (que conquistou o mesmo afeto que eu nutria pela professora Cida Chaves), Vera Lúcia... No ginásio, entre tantos professores, eu sempre me encantava com os mestres da Língua Portuguesa, como a professora Rosângela... até sua casa visitei!! Tive outra, mas infelizmente não consigo lembrar o nome dela, acho que ela não conquistou muito meu coração de leitora.

No Ensino Médio, antigo Segundo Grau, estudei no EEPSG "Profa. Amélia Mancon", onde conheci a ilustríssima professora Nely. Nely era uma professora sorridente e muito carinhosa com os alunos, ensinava Literatura como ninguém, amava seu trabalho! Encontrei-a no shopping anos mais tarde, seu sorriso ainda era o mesmo, seu abraço ainda continha muito afeto e carinho, e para minha surpresa, ela se lembrou de mim...

Professores nunca esquecem alunos bagunceiros, algumas vezes lembram dos alunos muito inteligentes, mas raramente se lembram de alunos que não se destacavam nas aulas... eu era estudiosa, mas nunca fui uma aluna nota dez e no comportamento era apenas falante, ou seja, uma aluna comum entre tantos outros alunos.

Mas ela, minha grande mestra Nely, lembrou-se de mim... quase flutuei de tanto orgulho...e com todo esse orgulho contei que estava terminando o curso de Letras e, que ela, juntamente com minhas outras mestras, influenciaram muito na minha decisão pelo curso de Letras... foi então a vez dela se emocionar, seus olhos se encheram de lágrimas. Não esqueço, jamais o caloroso abraço que trocamos naquele dia...

Em 1995, segui meu coração e fui cursar o Magistério, então conheci a Arimar, professora enérgica, atualizada, amante incondicional na Língua Portuguesa!! Estava onde eu queria!! Ela me ensinou a ensinar a Língua Portuguesa... Lembro-me de seu enormes olhos azuis que ficavam maiores ainda quando ela, empolgada, dava suas aulas... Também visitei sua casa e por alguns anos mantivemos contato...




Na universidade tive o prazer e o privilégio de conhecer outros grandes mestres: prof Manoel Edson, prof Ramon, prof Everton, prof Simone, Márcia Regina, minha orientadora no TCC, Tânia Zen, amante incondicional da Linguística (tão estranho não usar o trema), entre outros. Mas dois deles deixaram marcas profundas na minha humilde vida de universitária... prof Ramon, que lecionou Língua Portuguesa no 1o. ano e o prof Manoel Edson, nos anos seguintes lecionando Língua Portuguesa e Prática do Ensino de Língua Portuguesa... Não tenho palavras para descrever esses dois grandes mestres!! Mestres não, doutores!!



Minha vida escolar foi privilegiada com outro grandes mestres de outras disciplinas, não lembro o nome de todos, infelizmente, mas eles também contribuíram com minha formação acadêmica. Sou grata a todos que me ensinaram a construir o conhecimento e chegar onde estou hoje...




Atualmente sou formada em Letras e trabalho com Ensino Fundamental I, faço Pós-Graduação em Alfabetização e Letramento e continuo aumentando minha coleção de grandes mestres... como  Edná Júlio, Patricia Monteiro e outros que conhecerei até o final do curso!!


A todos os meus mestres um muitíssimo obrigada!!!

1 comentários:

Josy disse...

Que história! Realmente, nossa trajetória é marcada por grandes mestres e nós como professores marcamos muito a vida dos nossos alunos...

Postar um comentário

  ©Template designer adapted by Ana by anA.

Essa página é hospedada no Blogger. A sua não é?